• Associação Casa da Árvore

EP “CANTIGAS E QUINTAIS” CELEBRA A MUSICALIDADE DO POETA GILSON CAVALCANTE

Produzido durante a pandemia, o disco de estreia de Gilson Cavalcante como compositor já está nas plataformas, trazendo a musicalidade desse poeta beradeiro e a sonoridade de um Brasil de dentro.


Clique na imagem para ouvir o disco na sua plataforma preferida


Com um “Cantigas e Quintais” celebra os 40 anos de carreira do poeta e compositor Gilson Cavalcante, reunindo cinco canções autorais interpretadas pelo pernambucano André Macambira, o grupo mineiro Guaimbê e os filhos do poeta, Ana Liz e Aluísio Cavalcante. O trabalho traz fortes traços da musicalidade popular brasileira, enriquecida por arranjos modernos, emoldurando os versos e o imaginário universal do poeta.


Cavalcante é jornalista e tem uma vasta produção literária, com nove publicações e alguns importantes prêmios nacionais e participação em eventos internacionais. Em 2021, lançou seus dois últimos livros de poesia: A arte de desmantelar calendários e O amor não acende velas. “Eu lido mesmo é com as palavras e não toco nenhum instrumento. Componho intuitivamente algumas música, não sei nem como se processa isso”, revela o compositor.


Embora esta seja sua primeira obra fonográfica, sua lida com música vem de anos. Já participou de festivais na década de 80, possui canções gravadas por alguns artistas goianos e tocantinenses como Walter Mustafé, Luis Augusto, Amauri Garcia, Braguinha Barroso, Marcus Ruas, Mário Xará e o Guaimbê.


Em Cantigas e Quintais , reuniu músicas de diferentes épocas da sua carreira. Visitação é a faixa que abre o trabalho com uma interpretação solar da jovem Ana Liz, cantora e compositora que vive em Volta Redonda - RJ. A canção faz parte da mais recente criações de Cavalcante, que ganhou no seu arranjo referências afrobrasileiras muito fortes. Já Cavalo Doido do amor foi interpretada pelo cantor e compositor pernambucano André Macambira, que também assina a produção musical e arranjos em quatro das cinco faixas do EP. O pernambucano também interpreta Parte do todo que é (Cinderela), uma das primeiras canções compostas por Cavalcante ainda na década de 80. O EP traz ainda Pé de tudo, interpretado pelo cantor e compositor Aluísio Cavalcante, sob um arranjo carregado de grooves brasileiros e elementos sonoros eletrônicos e eletroacústicos que dão a faixa uma sonoridade moderna. Quem encerra o Ep é o grupo Guaimbê, com a parceria entre Gilson e seu filho Aluísio Cavalcante, a faixa Quebranti.




Sotaques musicais de um Brasil de dentro


O que se ouve em Cantigas e Quintais são sotaques que vão o norte goiano, passando pelo cerrado tocantinense, pelo litoral e o sertão pernambucano e chegando às montanhas do sul de Minas Gerais. O pernambucano de Serra Talhada, André Macambira, foi convidado para produzir e arranjar o EP e, reuniu músicos de vários cantos do país. Boa parte do disco foi gravado em Recife - PE, parte em Poços de Caldas - MG e parte em Volta Redonda - RJ.


Além das interpretações de André Macambira, Ana Liz e Aluísio Cavalcante , a realização musical do disco contou com as percussões de Gilberto Bala Santos, Thiago Lasserre, Danilo Abreu e Ricardo Malabi. André Macambira tocou os violões em Cavalo Doido do Amor e Parte do Todo que é, Rubem França tocou violão de 8 cordas em Visitação e Flávio Danza violão de 7 cordas em Quebranti, música arranjada e interpretada pelo grupo Guaimbê, composto ainda por Leo Brasileiro na percussão, Rodrigo Mendonça na flauta e o filho do poeta nos vocais. Os pífanos e clarinetes ficaram por conta de Alexandre Rodrigues, a bateria por Lucas Araújo, baixo Lucas Castro, viola por Liêve Ferreira, acordeon por Vinícius Nogal e o contrabaixo acústico de Ivan Trevisan em Quebranti.

A mixagem e masterização foi realizada por Albérico Junior, com exceção da mixagem de Quebranti, feita por Flávio Danza no Cambucá Records.



Faixa a faixa

Visitação

Letra e música: Gilson Cavalcante

Intérprete: Ana Liz


Cavalo doido do amor

Letra e música: Gilson Cavalcante

Intérprete: André Macambira


Pé de tudo

Letra e música: Gilson Cavalcante

Intérprete: Aluísio Cavalcante


Parte do todo que é (Cinderela) Letra e Música: Gilson Cavalcante

Intérprete: André Macambira


Quebranti

Letra: Gilson Cavalcante Música: Aluísio Cavalcante

Intérprete: Guaimbê


#gilsoncavalcante #cantigasequintais #músicabrasileira #lançamento #músicaautoral #mpb #brazilianmusic #músicadotocantins #culturatocantinense #aldirblanc #tocantins #andremacambira #leialdirblanc


0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo